sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Ritmo da Vida

"Existiam três pessoas, pessoas comuns.

Um atleta semi-profissional, que treinava duro todo dia e suava muito para alcançar seu sonho.
Uma jovem moça pobre, porém muito humilde e trabalhadora.
Um pequeno empresário, dono de uma padaria, muito simpático e justo.

Essas três pessoas gostavam muito do que faziam, porém estavam cansadas de sonhar, de batalhar, e não conseguir chegar a lugar nenhum.

O atleta não conseguia chegar a suas metas, e alcançar os objetivos.
A moça tinha que ajudar a família e estava cada vez mais cansada e ocupada de trabalho.
O empresário estava tendo leves prejuízos, mas o imóvel da padaria estava com a estrutura danificada.

Então, foi oferecida uma solução a cada um deles:

Um colega ofereceu esteróides para que o atleta aumente sua performance.
Um traficante de órgãos abordou a moça e lhe ofereceu dinheiro por um de seus rins.
Um fiscal pediu propina para fazer vista grossa na verificação do imóvel da padaria.

Cansados de não obter o que mais aspiravam, aceitaram.

Mas eis que o destino cruel caiu sobre cada um dos três...
O atleta foi pego no exame anti-dopping, e foi proibido de praticar seu esporte predileto.
A moça teve problemas hepáticos após a operação mal-feita, e não pôde trabalhar tão cedo.
Um acidente ocorreu na padaria, derrubando parte do teto e a fiscalização fechou o local.

Um dia, então, os três se conheceram, por aí.
E, contando suas histórias, perceberam que poderiam ter feito diferente.
Poderiam ter continuado em seus caminhos, e eventualmente alcançariam o que queriam.

Perceberam que não vale a pena alterar o ritmo da vida,
E que o caminho certo nem sempre é o mais fácil.

Então voltaram às suas vidas humildes, tentando reparar os danos causados.
E procurando pacientemente suas metas, e a verdadeira felicidade.

Pois a felicidade pode ser difícil de achar, e durar pouco.... Mas pelo menos ela existe."


by me

4 comentários:

CátiaSofia disse...

Que palavras lindas, e verdadeiras amei o texto, tao sincero:DDD



Beijo, já estou com saudades tuas/_o

Mayara disse...

amei, torigoe *-*


vc tem muito talento pra escrever :)

carolzinha disse...

nossa uau mto lindo toriga tipo uma lição de vida msmo...
adoreiii

Barb. disse...

acho que não temos que procurar a felicidade, mas fazer ela acontecer

beijo